Vantagens de castrar seu cachorro macho

1) Diminui o hábito de marcar território

2) Passeios muito mais tranquilos

3) O cachorro castrado NÃO engorda por conta da cirurgia

4) O “instinto animal” permanece intacto

5) Machos também têm menos chances de terem tumores

Por que castrar?

  1. • Evita que seu cachorro fuja.
  2. • Evita o constrangimento do seu cachorro ficar agarrando em pernas ou braços de visitas.
  3. • Evita agressividade por excitação sexual constante.
  4. • Evita xixis excessivos durante os passeios

Leishmaniose

A Leishmaniose é conhecida como uma zoonose, porque pode ser transmitido ao homem, também pela picada do mosquito. Assim como o caso de cão, observa-se que o grupo normalmente afetado pertence a indivíduos que possuem um sistema imunitário insuficiente (idosos, crianças, pessoas com antecedentes de deficiência imunitária, etc).

Os cães são conhecidos como hospedeiros da doença, pois o sistema imunológico (defesa) do animal, em geral, não possui suporte suficiente para lutar contra a infecção.  Ressaltamos que nem todos os cães desenvolvem a doença e o parasitismo de pele. As pesquisas mostram que cães mantidos sobre o tratamento tem transmissão reduzida, visto que a carga de parasitas contidos no tecido é menor.

SINTOMAS NO CÃO
Ao ser picado por mosquito contaminado, a doença poderá ou não se manifestar. O cão pode entrar em contato com o parasita e ser portador dele, mantendo-se assintomático. Os animais afetados podem apresentar um ou mais dos seguintes sintomas, que embora sejam listados, são gerais, porque pertencem também a outras infecções comuns e por isso, nem sempre a presença deles é significativo para diagnóstico. Os sintomas podem ser:
– Perda de peso e/ou falta de apetite

– Apatia e debilidade

– Seborreia, feridas que não cicatrizam

– Crescimento rápido das unhas

– Podem ocorrer diarréias persistentes,

– Conjuntivites e lesões de córnea

– Anemia e inchaço dos gânglios

– Insuficiência renal (bebem muita água e muita micção)

– Vômitos

– Hemorragias nasais

– Queda de pêlos na face e principalmente ao redor dos olhos

PREVENÇÃO
Após realizar diagnóstico da doença, é extremamente importante a vacinação, mas não somente ela é 100% eficaz.  Faça uso de produtos repelententes de insetos – Scalibor®, Pulvex®, Advantage max®, Cipermetrina pour on, citronela, óleo de neem, inseticidas para o ambiente, etc. Escolha produtos que além de inseticidas, auxiliam no controle de carrapatos e pulgas.
– Evitar os passeios em zonas de rios, matas, terrenos a céu aberto, sobretudo ao romper da manhã e ao fim do dia,
– Assegurar um bom estado de saúde do animal, para manter um bom sistema imunitário – boa alimentação, vacinação e desparasitação regular.

http://acaixadepanboris.blogspot.com
Foto: CICLO DA LEISHMANIOSE
protectoravilagarcia.org

Vermífugo para cães e gatos – Quando e como administrar?

Saiba quais os tempos corretos de dar o vermífugo para cães e gatos, as diferenças entre eles e o que este remédio pode prevenir.

Os vermífugos para cães e gatos são medicamentos para prevenir os bichinhos de doenças causadas por lombrigas (vermes), muitas vezes microscópicas, que podem causar diversos danos à saúde do animal durante toda a sua vida.

Assim que os cãezinhos nascem eles já necessitam de uma atenção especial quanto a isto, tendo a primeira dose entre o dia 15 dias e 30 de vida. Depois vai se repetindo de 15 em 15 dias por três vezes, para garantir que todos os vermes adquiridos durante a gestação, através do leite, por ingestão dos ovos ou os mais resistentes realmente estejam exterminados. Porém, neste caso, o vermífugo é em forma líquida por via oral e não em drágea, como começa a ser depois de seis meses, que é a manutenção. Ou seja: semestralmente o seu peludo repetirá a dose, porém em quantidades compatíveis ao seu tamanho.

É importante ressaltar que o vermífugo para cães e gatos também não deve ser dado aos animais adultos caso eles estejam passando por momentos de exaustão ou com alguma patologia, principalmente em estado febril.

O jeito de administrar o vermífugo para cães e gatos não é o mesmo, já que os felinos são independentes e mais higiênicos (por isso lambem a si mesmos ou a outros gatos quase o dia todo), consequentemente, mais propensos a contraírem vermes, na maioria das vezes pelas pulgas e em forma de larvas ou ovos.

Lambedura excessiva da pata

Existem várias causas entre elas:

– Ansiedade;

– Estresse;

– Parasita (como pulga e carrapato que mordiscam entre os dedinhos do Pet);

– Dermatite Atópica;

– Alergia a produtos de limpeza…

Agende a consulta do seu Pet e trate a causa da lambedura excessiva.

Agendamentos: 3042-4141 e WhatsApp 99808-4141.

Qual procedimento após saída na rua com o Pet?

Necessária as medidas básicas de higiene recomendadas às pessoas, o tutor deve desinfetar todas as áreas da casa o máximo de vezes que puder, inclusive aquelas que os Pets mais frequentam.

As patas tem que ser lavadas com água e sábado, e bem secadas após. Ou limpeza com álcool 70%..

Giárdia em cães

A giardíase é uma doença parasitária de distribuição mundial, que atinge cães e outras diversas espécies animais. Esta zoonose é causada por um protozoário e resulta da ingestão acidental de cistos presentes nas fezes, nos alimentos e na água contaminada.

A giárdia tem como principal sintoma a diarreia, com as fezes apresentando-se pastosas, de odor fétido e eventualmente esverdeadas, além da ocorrência de vômito.

No Master você encontra os melhores profissionais, que poderão auxiliar você e seu filho de quatro patas. Venha nos fazer uma visita!

Tártaro

O que é o tártaro?

 
O tártaro é uma placa de bactérias que vai acumulando com o tempo por conta de restos de comida. Mesmo que o cachorro só se alimente de ração seca, biscoitos crocantes para cachorro e petiscos que “limpam” os dentes, muitas vezes isso não é suficiente.

A única forma de evitar o tártaro (ou prorrogar o aparecimento dele, caso seja um cão com mais tendência) é a escovação DIÁRIA. Sim, você precisa escovar os dentes do seu cachorro todos os dias. 
 
A pasta de dente canina mais indicada pelos dentistas veterinários é a C.E.T da Virbac. Apesar de ser mais cara que outras pastas, ela é a mais recomendada pelos veterinários quando falamos de prevenir o tártaro.

Não procure soluções caseiras para acabar com o tártaro do seu cachorro, procure um veterinário e ele vai dizer se é necessária a cirurgia de limpeza de tártaro. Nada que você faça em casa vai eliminar o tártaro do seu cachorro uma vez que ele estiver instalado.


Fonte:
 Tártaro em cães – Riscos, como prevenir e tratar | Tudo Sobre Cachorroshttps://tudosobrecachorros.com.br/tartaro-em-caes/#ixzz6BxCfW66G
Follow us:
 tudosobrecachorros on Facebook

A Master Centro Veterinário conta com diversos serviços e um atendimento personalizado na Medicina Veterinária. Nosso tratamento é humanizados e diferenciado, tanto para os pacientes quanto para os seus donos.

Instagram


This error message is only visible to WordPress admins
This endpoint has been retired

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

Click here to troubleshoot